» »Unlabelled » 'Bola de neve rolando ladeira abaixo', diz Alexandre Garcia sobre Lava Jato

 
 
São tempos muito estranhos que estamos vivendo. Mal começou o ano legislativo, já foi criada uma Comissão de Inquérito para investigar a corrupção na Petrobras. E sob o ponto de vista político das omissões e responsabilidades políticas. Por isso, uma CPI que o governo e o PT nunca quiseram, mas teve assinaturas de 52 governistas no pedido.
Nesta sexta-feira (06), o conselho da maior empresa do país, onde o governo tem maioria, procura preencher a presidência e diretoria vagas dias depois de rebaixamentos em agências de risco. Nesta quinta-feira (05), o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, foi conduzido à Polícia Federal para prestar depoimento na Lava Jato por propinas e doações. Ele é o sucessor de Delúbio Soares, condenado no mensalão.
Nesta sexta-feira (06) também, o partido da chefe do governo, o PT, está comemorando 35 anos. O Partido dos Trabalhadores deve estar com saudade dos tempos fáceis em que era oposição e brandia a bandeira da ética. Era pedra; hoje virou vidraça. O partido, que acusava os outros de querer privatizar a Petrobras, agora é acusado de ter se apropriado da empresa.
Por exemplo, um ex-presidente do partido também foi presidente da Petrobras e da Petrobras Distribuidora, que está entrando agora nas investigações. E hoje permanece diretor, em licença-saúde, José Eduardo Dutra.
Delatores premiados falam sobre propinas de milhões de dólares que viraram doações para o PT, na regra do não paga não entra em contratos. Tudo parece uma bola de neve rolando ladeira abaixo, e ficando cada vez maior. Tempos muito estranhos.


Bom Dia Brasil / Globo
Alexandre Garcia

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta