» »Unlabelled » Produtos congelados terão que informar “PESO APÓS DESCONGELAMENTO”


Foi sancionada recentemente a Lei 15.565, de autoria do deputado estadual José Humberto (PTB), que determina a obrigatoriedade de informações, nos rótulos das embalagens dos produtos congelados e glaciados produzidos e comercializados no Estado de Pernambuco, sobre o peso líquido efetivo de cada produto, através da indicação “PESO APÓS DESCONGELAMENTO”.
“Na indústria de abate, o resfriamento e a hidratação de carcaças e cortes são feitos em tanques com água resfriada. Os procedimentos ocasionam um percentual de absorção que congelará juntamente com o produto, caso não seja realizado o adequado escorrimento. Nessas hipóteses, os alimentos têm agregado ao seu peso o da água congelada gerando inegáveis prejuízos ao consumidor. Por outro lado, o mesmo se constata na compra de peixes, moluscos ou crustáceos congelados e cobertos por fina camada de gelo”, explicou José Humberto.
A intenção da Lei, segundo o parlamentar, é a de oferecer ao consumidor informações fidedignas sobre a quantidade final de produto adquirido. “A Lei proporcionará mais transparência e confiabilidade para a relação de consumo porque ao conhecer previamente o peso do produto depois do degelo, o consumidor pagará conscientemente pelo seu valor real”, comemorou José Humberto.
A Lei foi sancionada no último dia 27 de agosto, com isto as indústrias e comércios terão o prazo de 90 dias para se adequarem as novas regras. Na Assembleia Legislativa ainda tramitam outros 5 Projetos de Lei de autoria do parlamentar.



Da Assessoria de Comunicação

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta