» »Unlabelled » POLÍCIA FEDERAL PRENDE AGENTE PENITENCIÁRIO EM LIMOEIRO


A Polícia Federal em Pernambuco cumpriu dois mandados de prisão e um de busca e apreensão no Penitenciária Ênio Pessoa Guerra, em Limoeiro, Agreste de Pernambuco. Foram presos, o agente penitenciário Agnaldo Paiva dos Santos, de 45 anos e o auxiliar de montagem Edvaldo Laurentino da Silva, de 28 anos.
A operação foi realizada partir de informações repassadas pelo setor de inteligência da PF, de que agentes penitenciários estariam facilitando a entrada de drogas e outros objetos na unidade prisional. Os trabalhos, realizados pela Secretaria de Ressocialização (Seres) e Polícias Civil e Militar encontraram seis quilos de maconha, dois celulares e seus carregadores, guardados no fundo falso de uma geladeira apreendida nas imediações da penitenciária e que seria utilizada na ala coletiva dos reeducandos. Segundo as investigações, a droga deveria ser entregue aos detentos Agnaldo Vitalino dos Santos, de 58 anos, e Cássio Severino da Silva, de 33 anos, que foram atuados em flagrante por tráfico de drogas.

O auxiliar de montagem seria o responsável em adaptar o fundo falso na geladeira e associar outras pessoas para armazenar a droga. Na casa do agente penitenciário também foi apreendida uma pistola taurus, calibre 380 com carregador e 10 munições, com registro vencido. Os dois negaram os crimes, mas foram autuados por tráfico de drogas e associação, com o agravante de envolver estabelecimento de reinserção social e, caso sejam condenados, poderão pegar penas que variam de cinco a 30 anos de reclusão. Eles foram encaminhados ao presídio Juiz Plácido de Souza em Caruaru, onde deverão permanecer à disposição da Justiça.

Do Diário de Pernambuco

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta