» » » Senado aprova a realização de vaquejadas e rodeios no Brasil


Senado Federal aprovou na tarde desta terça-feira (14) a realização de vaquejadas e rodeios no Brasil. Em votação realizada em dois turnos, os parlamentares pela normalização das atividades. No primeiro turno houve 55 votos favoráveis, 8 contrários e 2 abstenções; no segundo turno foram 53 votos favoráveis, 9 contrários e 2 abstenções. A PEC segue agora para apreciação na Câmara dos Deputados.
Polêmica
Em 6 de outubro do ano passado, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgou inconstitucional a lei cearense 15.299/2013, que regulamentava os espetáculos de vaquejada no estado. Com o entendimento da Corte Máxima do país, a vaquejada passou a ser considerada uma prática ilegal, relacionada a maus-tratos a animais e, por portanto, proibida.
A decisão gerou uma série de protestos tanto por parte de entidades que defendem os animais, sob a alegação da prática de maus-tratos, quanto por parte dos vaqueiros e organizadores dos eventos, que alegam modificações na forma como os animais são tratados nas vaquejadas e alertam para o impacto econômico que a proibição causaria principalmente no Nordeste.

A aprovação no Senado permite a "manifestação registrada como patrimônio cultural que não atente contra o bem-estar animal. 

Imagem divulgação
Do JC

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta