» » » Agentes penitenciários paralisam as atividades em Pernambuco nesta quarta


Os agentes penitenciários de Pernambuco irão aderir ao movimento grevista de caráter nacional, que foi anunciado pela Federação Sindical dos Servidores Penitenciários do Brasil (Fenaspen), no dia 9 de fevereiro. Além dos agentes penitenciários de Pernambuco, nesta quarta-feira (15), os demais agentes vinculados à Fenaspen devem para as atividades nas penitenciárias durante 24h.
De acordo com o presidente do Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária e Servidores no Sistema Penitenciário de Pernambuco (Sindasp-PE), João Carvalho, uma série de atividades deixarão de ser realizadas pela categoria durante o período. Dentre elas, estão a custódia de presos, o controle e disciplinamento das atividades nos presídios e o apaziguamento de conflitos quando há motim e rebeliões.
A decisão pelo estado de greve serve, segundo o Sindasp-PE, como um alerta para a necessidade de aprovação da emenda constitucional de número 308/2004, que cria a polícia penal e padroniza a categoria, que recebe denominações diferentes em cada estado do País. A diferença entre as denominações atribuídas aos agentes dificulta a inclusão deles nos planos e projetos elaborados para a segurança pública.

Serviços mantidos

Mesmo com o movimento grevista, os agentes ainda realizarão atividades tidas como "essenciais". Na quarta-feira ainda estarão funcionando os serviços de cumprimento de alvará de soltura, mandado de prisão e recolhimento, socorros e emergências e entrega de alimentação aos presos. 30% do total do efetivo será mantido num esquema de rodízio de plantão.

Foto: Bernardo Soares/Acervo JC Imagem
Do JC Online

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta