» » » Pernambuco fechou 7.381 vagas de emprego em fevereiro


Pernambuco andou na contramão do Brasil e encerrou fevereiro com o fechamento de 7.381 vagas de trabalho formais. O Estado acompanhou a tendência do Nordeste, única região do País a fechar vagas no mês passado. O desempenho pernambucano foi o segundo pior do Brasil, atrás apenas de Alagoas, que eliminou 10.698 postos de trabalho. No balanço do bimestre, Pernambuco também perdeu vagas de emprego formal, com um saldo negativo de 12.126. No Brasil foram criadas 61.188 vagas no mesmo período.
O fechamento das vagas em Pernambuco aconteceram principalmente na indústria de transformação (-5.837), com destaque para os setores de alimentos e bebidas, que registraram perda de 5.480 vagas. O resultado reflete a tendência da atividade ao longo de 2017, quando apresentou queda de 7,1% e contribuiu para prejudicar o resultado geral da indústria e a performance do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado.

PIB
A economia pernambucana cresceu 2% no ano passado, mas poderia ter sido superior excluindo o impacto negativo do setor. Além da indústria, o comércio varejista também fechou postos de trabalho em fevereiro (-679).
A boa notícia para o mercado de trabalho veio do setor de serviços, que no ano passado foi um dos responsáveis por turbinar o PIB. A atividade abriu 1,670 vagas em fevereiro.

Foto: André Nery/Acervo JC Imagem
Da Editoria de Economia do JC online

Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta