» » » Marido agride a mulher a pauladas e é preso em flagrante



Um agressor foi preso em flagrante após a esposa denunciar à Polícia Civil que tinha sido atacada com pauladas por ele. O crime aconteceu no município de Saloá, no Agreste de Pernambuco.
A vítima recebeu várias pancadas na cabeça, dadas pelo marido, identificado como Rodolfo Costa da Silva, de 31 anos. Apesar da violência sofrida, a mulher resistiu às pancadas e fez a denúncia.
De acordo com a assessoria da polícia, o homem “foi autuado pelo crime de lesão corporal por violência doméstica, contra sua companheira”, na manhã da segunda-feira (10).

Disque 180
A denúncia de violência doméstica previne a morte. Qualquer mulher pode fazer a denúncia, através do número 180, que aciona a Central de Atendimento à Mulher ou pelo 190, da Polícia Militar, caso o crime esteja acontecendo no exato momento da ligação.
Estes números funcionam 24 horas por dia, inclusive durante os finais de semana e feriados. Toda ligação feita à Central é gratuita e pode ser feita de qualquer telefone, seja ele fixo ou móvel, particular ou público. 

#UmaPorUma
O especial multimídia #UmaPorUma, conta todas as mulheres assassinadas em Pernambuco ao longo de 2018. Lançado no último 29 de junho, no endereço umaporuma.com.br e abrigado no Portal NE10, o projeto traz o perfil das mulheres assassinadas no Estado.
De janeiro a julho, já havia o registro de 146 mulheres assassinadas. Desse total, 44 foram vítimas de feminicídio.
Além dos números de homicídios e feminicídios, o site traz várias reportagens que abordam diferentes aspectos da matança de mulheres em Pernambuco. Ao se debruçar sobre os casos de feminicídio, o projeto identifica que quase 90% dos autores dos crimes eram maridos, namorados ou ex-companheiros das vítimas. E 76,5% dos assassinatos aconteceram dentro de casa.

Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem
Do JC Online


Postador Paulo Pinto

Aqui você coloca uma descrição do postador exemplo. Oi lá! eu sou um verdadeiro entusiasta Na minha vida pessoal eu gastar tempo com a fotografia, escalada, mergulho e passeios de bicicleta da sujeira.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta